A Paixão de José Leonilson

imageEste blog me desafia. Desafia meu interesse em escrever. Desafia minha sensibilidade e meu gosto. Não escrevo se não gosto de fato da arte ou do artista. Aqui venho render homenagens. Aqui venho dividir o meu encanto pela arte que me toca. Escrevo aqui muitas vezes ainda entorpecido pelo efeito da obra, seja teatro, música, show, disco, performance ou cinema. Hoje volto vencido pelo efeito de um filme “A Paixão de JL” sobre a vida do grande artista plástico Leonilson. O filme me chega num momento de muita reflexão pessoal sobre a verborragia na internet e por sorte encontrei, para o meu deleite, o trabalho do diretor Carlos Nader num filme que tem como roteiro o diário pessoal do Leonilson deixado em fitas cassetes. Trata-se de um grande filme que encanta pelas referências do início da década de noventa descritas por um dos melhores artistas plásticos brasileiros que ganhou reconhecimento nos anos 80. Filme de arte sobre artistas e suas obras midiáticas. Falo de Win Wenders, Nick Cave, Madonna, Derek Jarman, Annie Lennox, Família Do ré mi, Tarzan e Perdidos no Espaço.
Quem me falou de Leonilson a primeira vez foi minha amiga Gidália. Ela era muito antenada ao que acontecia nas diversas cenas artísticas, principalmente naquelas que tinham um tempero underground. A AIDS esta presente neste revival como o martírio dos queridos e inesquecíveis amigos que perdemos naquela época de grandes desafios afetivos. Relembrando, realmente foram muito tristes aqueles anos, como sofremos e como aprendemos a perder. Hoje fica difícil esquecer todo esse legado de dor e crescimento. Hoje somos sobreviventes de um tempo e de uma epidemia. Não dá para jogarmos palavras ao vento. Tudo foi vivido com toda a intensidade necessária. Com toda a carga de questionamento existencial que aqueles momentos nos exigiam.

Vendo este filme/obra tão pungente percebo que nos fortalecemos. Hoje sabemos o que realmente nos importa, o que realmente tem valor e descobrimos que precisamos de nossas famílias, dos nossos amigos e de todo o amor que ainda resta no mundo.

Para mais informações acesse:
http://www.projetoleonilson.com.br

 

 

 

 

 

Esta entrada foi publicada em Artes Plásticas e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s